Saturday, September 23, 2006

Tem um coelho no meu sushi!

By Raquel

Se algum brasileiro fosse fazer uma lista de micos, não tenho dúvidas de que "levar marmita para o trabalho" seria item obrigatório. No Japão é diferente. Ninguém tem vergonha do marmitão, mesmo porque comer em restaurante em Tokyo faz um estrago no orçamento. Aqui, marmita se chama bentoo (lê-se bentô) e, como é praxe na gastronomia japonesa, ela tem de ser bonita.


Mas tem gente que se empolga na boniteza do bentoo, como duas donas de casa japonesas que são verdadeiras artistas da marmita. Cansadas de não ouvir comentário dos maridos sobre a comida, a dona Kasumin e a dona Mari Miyazawa, inventaram de decorar a marmita deles com bichinhos, flores e personagens feitos de nabo, cenoura, algas, camarão e tudo o mais que seja gostoso, nutritivo, colorido e "esculpível".



Imagina a cara do marido delas ao abrir pela primeira vez a marmita cheia de florzinhas e outras coisinhas mimosas na frente dos colegas de trabalho! A primeira reação foi de vergonha, mas depois os colegas ficaram ansiosos pra saber qual seria o tema do dia seguinte. Os maridões se acostumaram. Pelo menos foi isso o que elas contaram em uma entrevista ao o meu colega Julio Caruso.

Kasumin e Mari agora estão famosas. Têm blog, dão cursos, lançaram livros, dão entrevistas e estão sendo copiadas pela indústria da comida artística. Um fabricante de salsichas, por exemplo, mantém um site para ensinar os consumidores a fazer bichinhos com o produto. Eu estou pensando em fazer uma aulas com elas.

5 Comments:

At 8:10 PM, Blogger Paulo said...

O detalhismo desse povo ainda me fascina!
E eu que achei que só dava pra fazer polvo com as salsichas... Vou aprender pra poder mimar mais minhas sobrinhas...hehehe.

 
At 11:46 PM, Blogger Karina Almeida said...

nao da pra acreditar que essas duas japonesas aih nao vendem as tais "marmitas" chiqueresimas...

se bem que elas ganham dinheiro com o blog e os livros ne?

afinal, elas sao artistas!

mas seu fosse o marido pedia o divorcio! imagina um quarentao de terno, comendo uma marmita cheia de bichinhos na frente dos colegas de trabalho. ninguem merece!

 
At 10:38 PM, Blogger Afi said...

É realmente muito bonito. Nem sei se teria coragem de comer algumas dessas "obras de arte". Gostei de visualizar as fotos.

 
At 11:42 PM, Anonymous Raquel said...

PARA PAULO: pois é, Paulo. Como você viu dá fazer Conde Drácula de abacate!

PARA KARINA: sim, elas ganham dinheiro com os livros, mas poderiam ganhar muito mais se começassem a vender as marmitas no andar das comidas nas lojas de departamento.

PARA AFI: acho que os filhos dessas artistas nunca vão ser chatos pra comer verdura, né?

 
At 6:22 PM, Blogger Emerson Wan said...

Eu quero comer um desses do Star Wars.

 

Post a Comment

<< Home